Café...tudo de bom!

16.10.13

16 de outubro: Festival de Luzes de Lakshimi, senhora do amor e da beleza


O Culto a Lakshmi começou antes da invasão ariana da Índia.
Ela é considerada a força animadora ou Shakti de Vihnu, O Preservador.
Seu animal sagrado é a vaca, simbolo da abundância e da plenitude.
Ela aparece aqui com elefantes jorrando água, outro símbolo de sua vigorosa abundância. Embora seja descrita como flutuando no mar eterno do tempo, repousando sobre uma flor de lótus, os hindus dizem que os deuses agitaram violentamente o mar da criação do qual Lakshmi surgiu
em todo o seu esplendor.
Senhora do Amor e da Beleza. Dizem que quem celebra este dia terá abertas as portas do
amor e da felicidade com abundância.
Preparando-se para o ritual:responda: sua vida está definida e contida nos parâmetros
da escassez, e não lhe traz abundância?
Suas finanças se baseiam na consciência da pobreza e não na ilimitada abundância?
Sua visão da vida é a de nunca ter o suficiente, e não a de ter tudo o que precisa?
Abra-se agora à abundância, à generosidade que existe no seu mundo.
Lakshmi diz que a abundância é difícil de perceber quando a carência, a pobreza e a escassez
dominam a consciência.
Abra-se ao fluxo da abundância no universo e reconheça-a na sua vida. 
Torne-se parte desse fluxo e o atraia para si.
Ritual: Pegue uma pequena flor e aceite-a como a mais bela. Perceba sua imensa abundância
de petalas, côr, aroma, beleza e tudo que puder pensar. Nomei cada desejo abundante em cada
pequena petala e entregue a Lakshmi para que esta a abençoe.
Coloque sua flor em um vaso e deixe que a abundância espalhe-se por toda sua vida.

Postar um comentário