Café...tudo de bom!

15.1.11

Saudade



Saudade

Joguei fora o lenço molhado
nas lágrimas derramadas por ti.
Maltratavam-me as lembranças!

Aquela dor, pisoteei-a com frenesi
lançando os seus fragmentos ao vento
na direção dos distantes mares

O vento, moleque e vadio

trouxe-os de volta, ao meu coração.


bjs soninha



Postar um comentário