Café...tudo de bom!

17.7.11

Hoje 17 de Julho é Dia de Proteção às Florestas



Muitos de nós somos tomados de um forte desejo de obtermos uma solução rápida, eficaz e eficiente de proteção ao nosso meio ambiente mas nos sentimos de mãos atadas diante da nossa impotência ante tão giganteso problema.

Sempre que penso nisto eu me recordo de uma historinha que escutei certa vez, num Centro Espírita, que dizia:

" Um jovem senhor trabalhava no escritório da sua casa, a sua esposa havia saído e o seu filho de seis anos, aos seus pés, o solicitava várias vezes para brincarem juntos, ao que ele respondia:

_ Espera um pouco filho pois papai está trabalhando.

Mas no mundo infantil o que prevalece são as brincadeiras e o menino não desistia.O pai, já irritado, pegou uma enorme folha de papel madeira onde havia um mapa mundi de um lado e no verso o desenho de um homem, rasgou-a em muitos pedaços e pediu ao filho que fosse arrumar aquele quebra-cabeça e lhe trouxesse o mapa mundi pois ele iria precisar para o seu trabalho.

Imaginava o jovem senhor que o garoto iria demorar horas e horas naquela tarefa e isto lhe daria tempo para terminar o seu trabalho e , então, ele o ajudaria na montagem do quebra-cabeça.

Passado alguns minutos chega a criança e chama o pai para ir ver o quebra-cabeça montado de maneira correta.

O pai intrigado com a audácia do filho lhe perguntou:

_ Como você conseguiu a solução tão rápida meu filho?!

- Ah! meu pai, disse o menino, eu primeiro "consertei" o HOMEM, e aí o MUNDO também ficou consertado."

Bem, eu desconheço o autor da historinha mas valeu a lição da qual nunca me esqueci. Se "consertarmos" o homem, por certo que o mundo também ficará "consertado", haja vista que a sua criação brotou da Maravilhosa e Perfeita Vontade de Deus.

Quando o ser humano se "endireitar ou se consertar", as florestas, as águas, as crianças, os animais, os idosos etc, todos serão amplamente valorizados e protegidos já que  o respeito prevalecerá nas mútuas relações e compreenderemos que somos elos de uma cadeia infinita com vistas à evolução.

abçs,soninha
Postar um comentário